Jovens afirmam no FEST: “Eu escolho a vida!”
31/10/2018 14:02 em Inspetoria Nossa Senhora Auxiliadora

Mais uma vez, seguindo a tradição anual, milhares de jovens dos grupos da Articulação da Juventude Salesiana vinculados aos Salesianos de Dom Bosco e às Filhas de Maria Auxiliadora no Estado de São Paulo se reuniram no Colégio Salesiano Santa Teresinha, na capital, para a realização do FEST – Festival da Juventude Salesiana.

Neste ano de 2018 o evento aconteceu no sábado, 20 de outubro, tendo como tema a frase do Papa Francisco “Jovens, mantenham viva a alegria” e o lema “#Euescolhoavida”, marcando posição contra a violência em suas diversas formas, entre elas o aborto.

O FEST teve início às 11h com a celebração eucarística presidida pelo inspetor salesiano, Pe. Justo Ernesto Piccinini. Durante a homilia ele deixou aos jovens três pensamentos: manter viva a alegria no coração, viver o amor e no amor e o terceiro como viver o amor, dando um exemplo de vida. “Se cada um de nós nos aproximássemos de Jesus e perguntaríamos para ele como é que a gente vive o amor, Jesus nos diria ‘Dentre os exemplos de hoje olhe para Dom Bosco, olhe para Madre Mazzarello, olhe para Dom Oscar Romero, que foi canonizado domingo passado, olhe para o Papa Francisco e veja, eles são exemplos concretos para todos nós de quem viveu o amor, colocou a vida a serviço da vida, da pessoa que não ficou só nas palavras mas arregaçou as mangas e foi nos gestos concretos”. E complementou: “Como é bonito escutar os relatos de cada um de vocês que fizeram a Semana Missionária, que foram levar o amor de Deus ao coração das crianças, dos jovens das famílias. Nós não podemos viver só de palavras, o próprio Deus nos convida, arregacem as mangas, meus queridos jovens e façam a vida acontecer. Trabalhem, saciem a fome de quem tem fome, cuidem de quem está doente, visitem quem precisa de uma visita, façam o amor se tornar vida na vida do dia a dia”.

No momento das ofertas os jovens montaram um painel com diversas peças mostrando o tema e o lema do festival, simbolizando o oferecimento da união e do trabalho da juventude. Ao final da celebração eucarística, a inspetora das Filhas de Maria Auxiliadora, Ir. Helena Gesser, contou segredos para manter a alegria. “Dois segredos para manter viva a alegria: primeiro, acreditar que Deus nos ama profundamente; segundo, cuidar e amar a vida. Eu escolho a vida. Falar em vida salesiana é falar de vida alegre, falar de juventude salesiana é falar de juventude alegre”. E seguindo, falando da alegria dos santos salesianos, reforçou uma frase que Madre Mazzarello falava às irmãs e para as jovens: “A alegria é o sinal de um coração que muito ama o Senhor”. E desejou um bom encontro falando do alcance da santidade para todos: “A santidade é possível para todos, a santidade salesiana é possível para todos, sobretudo para vocês, queridos jovens, e a santidade salesiana tem algo de especial. O rosto da santidade salesiana é o rosto da alegria, portanto, o rosto da juventude”.

O período da tarde, como já é marca do FEST, foi regido pela diversidade de atividades espalhadas pelos muitos ambientes do colégio, coordenadas pelos assessores de Pastoral das casas salesianas e protagonizadas pelos jovens. Além de esportes como basquete, capoeira, skate, tênis de mesa e vôlei, a tarde teve apresentações de dança, teatro e o concurso de bandas.

O encontro foi finalizado com mais um forte momento de espiritualidade, a vigília com a adoração ao Santíssimo Sacramento.

Quem não esteve presente no Colégio Salesiano Santa Teresinha pôde acompanhar o FEST por meio da cobertura realizada pelos perfis no Facebook e Instagram da Inspetoria Salesiana de Nossa Senhora Auxiliadora, com o suporte da equipe de comunicação formada pelos jovens do UNISAL (Centro Universitário Salesiano de São Paulo) de Americana. Mais de 20 mil pessoas acompanharam o FEST pela internet.

 

Fonte: ISSP

COMENTÁRIOS
NOSSOS PARCEIROS