Simpósio trata da vida do Venerável Pe. Rodolfo Komórek
16/10/2019 08:22 em Inspetoria Nossa Senhora Auxiliadora

Pela primeira vez na Diocese de São José dos Campos, foi realizado na Paróquia Sagrada Família, nos dias 11 e 12 de outubro, o Simpósio “Venerável Padre Rodolfo Komorek – um santo para toda a igreja” que, de forma organizada e sistemática, apresentou aos interessados um pouco da humanidade e da santidade do Pe. Rodolfo Komórek e da Causa de Beatificação deste grande sacerdote salesiano que viveu na região na década de 40.

O evento foi promovido numa parceria entre a Diocese de São José dos Campos e a Congregação dos SDB (Salesianos de Dom Bosco). Contou também com o apoio do UNISAL (Centro Universitário Salesiano), que certificou os participantes, e da Faculdade Católica de São José dos Campos que acolheram com alegria aos que se identificaram com esse carisma salesiano, num clima de família.

Entre os conferencistas estiveram Dom Hilário Moser – bispo emérito SDB, Msc Edo Paiotti – Historiador e Professor da Universidade do Vale do Paraíba e o Hugo Ricardo Soares – Doutor em Antropologia Social, além de muitos testemunhos de pessoas que tiveram as suas vidas influenciadas de alguma forma, com a vida do “padre santo”.

No dia 11 de outubro o evento iniciou com a Santa Missa das 19h30 e a abertura oficial com o padre inspetor dos salesianos, Pe. Justo Piccinini. No dia 12 de outubro, ouvimos um pouco de história da cidade de São José dos Campos nos tempos de Pe. Rodolfo pelo Msc Edo Paiotti, seguido pelas palavras de Dom Hilário Moser com o título “Pe. Rodolfo – um santo para todos os tempos”. Também ouvimos o Dr. Hugo Ricardo, estudioso do Pe. Rodolfo – homem de fé, caridade e força.

Foram trazidas informações sobre o processo de beatificação, os participantes participaram de uma visita ao Memorial Pe. Rodolfo e partilharam muitos testemunhos. A missa de encerramento foi presidida por Dom Cesar de Deus, bispo da Diocese de São José dos Campos.

Foi uma oportunidade para reunir especialistas e interessados na figura e na obra do Venerável Padre Rodolfo, visando aprofundar a compreensão dos impactos e repercussões religiosas, sociais, culturais, históricas e humanitárias da sua vivência nesta região. A ocasião também quis valorizar a presença do Pe. Rodolfo na diocese, na cidade e região, promovendo o comprometimento de forma concreta na causa da sua beatificação e Divulgar a vida do “padre santo” com palestras, debates, testemunhos, orações e visitas ao Relicário, tornando-o ainda mais conhecido, em particular pelos doentes e pobres, pessoas às quais ele mais dedicou sua vida.

Essa atividade trouxe um legado para a diocese de forma autêntica, com entusiasmo dos seus membros participantes na vida da Igreja. Somos chamados a sermos cristãos abertos a necessidade de caminhar procurando encontrar novos caminhos no modelo de “santidade” do Pe Rodolfo, aprofundar a sua identidade, vocação, espiritualidade, missão e testemunhar a Jesus Cristo.

Venerável Pe. Rodolfo Komorék

O Venerável Pe Rodolfo foi um sacerdote de origem polonesa, da Congregação dos Salesianos de Dom Bosco, que viveu nove anos em São José dos Campos, onde faleceu em 11 de dezembro de 1949. Muito antes de se tornar padre já demonstrava sinais de santidade. Sua trajetória de vida está intimamente ligada a São José dos Campos, onde emprestou seu nome ao cemitério central, a uma rua no bairro Vila Ema e a um viaduto na cidade.

Nos anos vividos na cidade, desempenhou com dedicação ímpar suas funções sacerdotais, tendo vivenciado profunda caridade, de tal modo que sua generosidade, seu destacado altruísmo para com os enfermos e seu elevado espírito humanitário, além de várias outras virtudes vividas, fizeram-no muito conhecido e amado por toda a região como “o Padre Santo”. Sua morte foi marcada pelas manifestações de carinho da população joseense. Foi enterrado no cemitério do centro da cidade que recebeu seu nome em 2003. Seu túmulo é o mais visitado do local e fica sempre cheio de flores e velas, depositadas ali por devotos.

O processo de beatificação, iniciado em 31 de janeiro de 1964, encerrou-se em 1995, quando João Paulo II declarou o Padre Rodolfo Venerável. Agora se espera a comprovação de um milagre dentre as muitas graças atribuídas a ele com vistas à beatificação.

Homenagens ao Pe. Rodolfo em São José dos Campos

1. O Cemitério Municipal Pe Rodolfo Komorek na região central
2. A Rua Pe. Rodolfo Komorek – Jardim Apolo II
3. O Viaduto Pe. Rodolfo Komorek
4. O Memorial Pe. Rodolfo Komorek , na Vila Ema
5. E na cidade de Taubaté temos o Seminário Pe Rodolfo Komorek

 

Fonte: Pastoral da Comunicação São José dos Campos

COMENTÁRIOS
NOSSOS PARCEIROS